A Hierarquia das necessidades e a motivação humana por Maslow

O artigo discorre sobre os cinco tipos de necessidades humanas relacionadas a hierarquia de necessidades de Maslow, ou Pirâmide de Maslow, também conhecida como uma teoria sobre as motivações humanas.

Esta teoria proposta pelo psicólogo americano Abraham H. Maslow, baseia-se na ideia de que cada ser humano esforça-se muito para satisfazer suas necessidades pessoais e profissionais. É um esquema que apresenta uma divisão hierárquica em que as necessidades consideradas de nível mais baixo devem ser satisfeitas antes das necessidades de nível mais alto. Segundo esta teoria, cada indivíduo tem de realizar uma “escalada” hierárquica de necessidades para atingir a sua plena auto-realização.

Teoria de Maslow

Abraham Maslow acreditava que toda ação humana é motivada por uma ou várias necessidades. Segundo ele, existem cinco principais grupos de necessidades: fisiológicas, segurança, sociais, de estima e de auto-realização. Em teoria, essas necessidades obedecem uma hierarquia, de forma que as pessoas só sentem uma necessidade depois que todas as outras necessidades mais importantes já foram saciadas. A teoria de Maslow quase sempre aparece como uma pirâmide por causa dessa ordem entre as necessidades, mas ele nunca propôs uma representação em forma de pirâmide.

Na representação de pirâmide da hierarquia de necessidades, as necessidades mais básicas ficam embaixo, enquanto as mais complexas ficam em cima. A ideia é que as pessoas escalam essa pirâmide conforme vão atendendo suas necessidades, por exemplo: um indivíduo só vai sentir necessidades sociais depois que saciar suas necessidades fisiológicas e suas necessidades de segurança.

Os Cinco Tipos de Necessidades Humanas da pirâmide de Maslow

  1. Necessidades Fisiológicas: as necessidades fisiológicas são as mais primitivas e as primeiras a serem atendidas e se encontram como base para a pirâmide, segundo Maslow, representam as necessidades relacionadas ao organismo, como alimentação, sono, abrigo, água,
  2. Necessidades de Segurança: as necessidades de segurança aparecem após o suprimento das necessidades fisiológicas. São representadas por necessidades de segurança e estabilidade, como proteção contra a violência, proteção para saúde, recursos financeiros e outros.
  3. Necessidades Sociais: as necessidades sociais representam a necessidade humana de interagir com outros humanos. São necessidades como ter amigos, compartilhar a própria intimidade, trocar carinho, socialização, aceitação em novos grupos.
  4. Necessidades de Estima: as necessidades de estima estão relacionadas a sentir-se bem consigo mesmo. Entre elas estão a necessidade de ser reconhecido pelas próprias qualidades e de ter o respeito dos grupos dos quais faz parte.
  5. Necessidades de Auto-Realização: Estas são as últimas necessidades da hierarquia e se encontra no topo da pirâmide de Maslow. Relacionada a auto-realização profissional, é o indivíduo que alcança a plenitude consigo mesmo e com o mundo, e então dedica-se a buscar crescimento pessoal e a realizar seus objetivos de vida.

Aspectos a se considerar sobre a hierarquia de necessidades de Maslow

  • Para alcançar uma nova etapa, a anterior deve estar satisfeita, ao menos parcialmente. Isto se dá uma vez que, quando uma etapa está satisfeita ela deixa de ser o elemento motivador do comportamento do ser, fazendo com que outra necessidade tenha destaque como motivação.
  • Os 4 primeiros níveis destas necessidades podem ser satisfeitos por aspectos extrínsecos (externos) ao ser humano, e não apenas por sua vontade.
  • A necessidade de auto-realização nunca é saciada, ou seja, quanto mais se sacia, mais a necessidade aumenta.
  • Acredita-se que as necessidades fisiológicas já nascem com o indivíduo. As outras mostradas no esquema acima se adquirem com o tempo.
  • O indivíduo será sempre motivado pelas necessidades que se apresentarem mais importantes para ele.

Crítica à teoria das necessidades de Maslow

Com em toda teoria, há sempre aqueles que discordam, seja parcialmente ou totalmente. Os críticos desta teoria afirmam que nem todas as pessoas são iguais e, por isso, um aspecto que se mostra como uma necessidade para uma pessoa, pode não ser para outra.

Conclusão

As necessidades não satisfeitas são a principal fonte de motivação, ou seja, se uma necessidade for satisfeita ela não irá impulsionar ou modificar o comportamento humano sob nenhum aspecto, pois de acordo com Maslow “à medida que os aspectos básicos que forma a qualidade de vida são preenchidos, as pessoas podem deslocar seus desejos para aspirações cada vez maiores.

Compartilhe na rede:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Conheça o Autor

Flávio Costa
Flávio Costa
Gerente de projetos com mais de 15 anos de experiência desde desenvolvimento de software, gestão de portfólios, programas e projetos, liderança e formação de equipes. Possui as principais certificações gestão de projetos como: PMP (Project Management Professional) pelo PMI, PRINCE2 Practitioner, PRINCE2 Agile e MoP (Management of Portfolio) pela Axelos, Agile Scrum pela Exin entre diversas outras.

Gerenciou grandes projetos e programas de implantação de sistemas nos segmentos de comércio, varejo, engenharia, segurança pública, informações geográficas e setor público sempre com foco no relacionamento interpessoal e gestão de mudança com alto valor estratégico. Sempre engajado e comprometido em construir e liderar equipes para atingir as metas corporativas e entregar valores e benefícios a organização e cliente.

Atualmente é: Gerente de Projetos na Hexagon, Gerente de Portfólio no PMI-SP, Professor em gestão de projetos pelo SiteCampus e Colunista nos portais TI Livre e Projetos e TI.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *